Você sabe quais são os riscos e limites da exposição ocupacional

Saiba qual a relação entre Gestão de Risco e Compliance
3 de abril de 2021
Como usar na empresa indicadores de segurança do trabalho
9 de abril de 2021

No ambiente corporativo, todos os trabalhos apresentam riscos. É um consenso: Seja em canteiros de obras, escritórios ou escritórios domésticos, os trabalhadores estão frequentemente expostos à exposição ocupacional. Portanto, a gestão de riscos e a segurança do trabalho são sempre indissociáveis.

Neste artigo, iremos explicar os principais problemas de saúde que podem ser causados ​​pela exposição ocupacional. Também discutiremos como prever esses perigos e tomar medidas preventivas para minimizar a possibilidade de ocorrência. Continue lendo para aprender mais.

O que são doenças ocupacionais?

Definimos quaisquer problemas de saúde relacionados com o trabalho ou condições de trabalho como doenças ocupacionais. Legalmente, os trabalhadores com doenças ocupacionais têm os mesmos direitos que os trabalhadores que sofrem acidente de trabalho, portanto, é importante controlar sua exposição e adotar normas de segurança adequadas.

Quais são os principais riscos de exposição ocupacional?

Mesmo sabendo que todo trabalho tem riscos, existem riscos em vários graus e formas. Na maioria dos casos, as doenças ocupacionais variam de acordo com a ocupação e carga horária do trabalhador. A seguir, nos concentramos em algumas das principais doenças que podem ser causadas pela exposição ocupacional.

Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho

Essas doenças são identificadas pela sigla DORT e ocorrem devido a condições de trabalho insuficientes (como postura inadequada e sobrecarga de trabalho). O principal sintoma é a dor nas costas ou nas articulações, causada por um ambiente de trabalho inadequado. LER (Lesão por Esforço Repetitivo) também se enquadra nesta categoria e está relacionada a exercícios repetidos.

Câncer

A tendência de contrair câncer por motivos ocupacionais geralmente está relacionada à exposição aos chamados “carcinógenos”. Um exemplo é frequentemente destacado pela mídia entre os trabalhadores rurais que estão em contato com agrotóxicos prejudiciais à saúde. Outros casos são trabalhadores envolvidos em radiação e trabalho de construção, como exposição a arsênico e amianto.

Deficiência auditiva

Não apenas os agentes químicos ou ionizantes pertencem à categoria de exposição ocupacional. A exposição ao ruído também pode causar problemas de saúde relacionados ao trabalho, levando à surdez ocupacional.

Indivíduos suscetíveis a esta doença incluem trabalhadores da construção civil e trabalhadores de salões de beleza. A boa notícia é que a exposição pode ser facilmente controlada com o uso de protetores de ouvido ou protetores de ouvido.

Asma ocupacional

A asma também é uma preocupação para a segurança do trabalho, principalmente quando há geração de poeira ou resíduos: madeireiras, mineradoras e vidreiras podem ter um ambiente propício à inalação de partículas que podem irritar os pulmões e causar doenças. Neste caso, o equipamento de proteção respiratória deve ser usado para minimizar os riscos ocupacionais.

Quais são os limites da exposição ocupacional?

Na verdade, é impossível zerar completamente o risco de exposição ocupacional. No entanto, temos medidas padronizadas que podem nos ajudar a minimizá-los e garantir maior segurança no trabalho em diferentes situações.

Por este motivo, é importante entender os regulamentos e normas da área de atuação de sua empresa, principalmente a NR15, que envolve “atividades em ambientes insalubres” e inclui em seus anexos o nível de resistência à exposição química. E agentes biológicos. Além de garantir um ambiente de trabalho mais seguro, o NR também pode proteger a empresa em caso de processos judiciais contra possíveis doenças. Além disso, as auditorias internas e externas geralmente são baseadas nessas auditorias para comprovar a segurança da empresa.

A exposição ocupacional é um risco inerente ao trabalho, que existe em todas as empresas. Felizmente, temos métodos padronizados e cientificamente comprovados para minimizar esse contato e garantir a segurança dos funcionários. O ajuste desses padrões é fundamental para cumprir a lei e operar os serviços com segurança.

Fonte: Safe

Autenticação do Certificado